autores do concelho de oliveira do bairro


AUTORES DO CONCELHO DE OLIVEIRA DO BAIRRO

Homenagem
Início

 


MUSEU S. PEDRO

ROTEIRO CULTURAL E
RELIGIOSO


DIOCESE DE AVEIRO

CULTURA BAIRRADINA

AUTORES DO CONCELHO DE OLIVEIRA DO BAIRRO

ARLINDO VICENTE

FORAL DE OLIVEIRA DO BAIRRO


LIGAÇÕES

 

Contacto
 

 

Arsénio Simões Mota

Arsénio Mota é como assina os seus trabalhos.

Nasceu a 25 de Abril de 1930 na Freguesia de Bustos, Concelho de Oliveira do Bairro.

Exerceu diversas profissões nomeadamente a de tradutor e editor de Livros.

É jornalista aposentado do Jornal de Notícias e reside no Porto.

Publica desde 1955, livros de poesia, crónica, ficção, estudos e ensaios diversos. É autor de contos para crianças.

Organizou antologias e colaborou em diversas obras colectivas e tem prefaciado obras de alguns autores.

Tem proferido palestras e conferências, sendo de evidenciar essencialmente as relacionadas com a Cultura Bairradina.

É sócio da Sociedade Portuguesa de Autores, da Sociedade Portuguesa de Escritores, da Sociedade da Língua Portuguesa, da Associação de Jornalistas e Escritores da Bairrada (de que foi fundador) e Secção Portuguesa do IBBY (Internacional Board on Book for Young People).

Dirigiu "Independência Literária", suplemento mensal dos jornais "Independência de Águeda" e "Litoral" (1961 - 1965, de parceria com o Prof. Manuel Ferreira desde o nº 4). Coordenou "Cadernos de Jornalismo" (Centro de Formação de Jornalistas, nº1 a 4, 1986 - 1987). Dirigiu "Terra Verde", suplemento do "Jornal da Bairrada" (1991 - 1993)

Tem participado activamente em jornais e revistas.

Usou como pseudónimo "Arsénio de Bustos"

Publicou:

  • O Canto Desconforme, 1955;

  • Hoje com Armonia Dentro, 1956;

  • Crise de Carácter: um fenómeno social dos mais angustiantes de hoje, 1956;

  • Biografia Fantástica, 1962;

  • Besouro na Floresta - contos, 1962;

  • Sol para Todos - contos, 1972;

  • Burlescarias - crónicas, 1974;

  • Burlescarias - crónicas, 1975;

  • Um País de Pequenos Burgueses, 1975;

  • A Voz Reencontrada, 1978;

  • Bustos - Elementos para a sua história, 1983;

  • Som de Origem. Arte d'escritiva, 1985;

  • Os Segredos do Subterrâneo (contos para crianças), 1986;

  • História com Ratos da Paspalhóvia - conto para crianças, com Ilustrações de Manuela Bacelar, 1986;

  • Histórias com Historinha Dentro, 1986;

  • A Última Aposta - contos, 1987;

  • A Sopa das Nove Letras, 1988;

  • Artistas ao Norte, 1989;

  • Júlio Resende - A Arte Como vida, 1989;

  • Tenho Uma Ideia, 1989;

  • Letras Bairradinas - antologia, 1990;

  • Estudos Regionais - sobre a Bairrada, 1993;

  • O Museu do Sótão, 1993;

  • António de Cértima - Vida, Obra, inéditos, 1993;

  • A Nuvem Cor-de-Rosa, 1993;

  • A Roda que saiu dos Eixos, 1994;

  • A Corte na Aldeia, 1996;

  • O Segredo da Rocha, 1996;

  • Armanda Passos, Campo das Letras, 1997;

  • Pela Bairrada, 1998.

Trabalhos colectivos que organizou:

  • Encontro de Escritores e Jornalistas da Bairrada, 1991;

  • António de Cértima: colectânea de estudos no centenário do seu nascimento, 1994.

Obras que organizou, prefaciou e fez notas:

  • Para um dossier da Oposição Democrática, 1969;

  • Letras Bairradinas: Antologia, 1990;

  • Estudos de Toponímia da Bairrada e outras Notas - de Joaquim da Silveira, 1993;

  • Rodrigo Rodrigues dos Santos - Obra poética, 1996;

  • António Feliciano de Castilho - 1800 - 1875, 1997.

Traduções:

  • O Riso Vermelho e outras Histórias - de Leonid Andreie, 1968;

  • Povoação Vende-se - Andrés Lizarraga, 1971;

  • A Convivencialidade - de Ivan Illich, 1973;

  • Sobre a Religião - Lenine, 1974;

  • Operação Ogro: Como e porquê executamos Carrero Blanco - de Julen Aguirre, 1975;

  • Problemas da Juventude - de Émile Copfermann, 1975;

  • Os 4 Cavaleiros do Apocalipse - de Vicente Blasco Ibañez, 1976;

  • O Peixinho Preto - de Samad Behranghi, 1976;

  • Confesso que vivi: memórias - de Pablo Neruda, 1993.